segunda-feira, 27 de junho de 2011

Wormworld Saga

Scott McCloud acredita que as no potencial infinito das HQs no meio digital. Dentre várias ponderações, o autor de Desvendando os quadrinhos aposta que o formato das páginas impressas é limitante e, no ambiente digital, tem-se a oportunidade de uma tela infinita (infinite canvas) que servirá de suporte para novos formatos de histórias.

Quando teorizou isso, a maioria dos quadrinhos online se mantinham presas aos formatos de papel. Os de maior sucesso eram histórias vetoriais, que conseguiam transformar cada tela em uma página, independentemente do tamanho do monitor de computador, como os Combo Rangers, de Fábio Yabu. O próprio McCloud ousava nas suas HQs eletrônicas, pavimentando o caminho para o que estava por vir.

O formato deste Wormworld Saga, de Daniel Lieske, é a exata definição da tela infinita de McCloud. A história é feita para ser lida em uma constante ininterrupta, descendo a barra de rolagem de seu navegador, com um quadrinho se emendando no outro, sem as interrupções naturais das páginas de um impresso.

Para manter essa proposta, o autor usa os requadros para demarcar as unidades narrativas, intercalados com longos painéis, que se entrelaçam num belo visual.

A diagramação genial não seria nada se a arte de Lieske não fosse extremamente competente. Os leitores são brindados com um traço muito bonito, feito com uma técnica excelente de pintura digital. Visualmente, o resultado é arrasador.

A arte chama muito a atenção, tanto que o leitor quase se esquece do roteiro, que não é tão brilhante, mas cumpre perfeitamente seu papel: apresenta o protagonista Jonas, seu pai e seus avós, a relação entre eles; mostra a fobia e os gostos do menino; e cria uma enorme expectativa pelos próximos capítulos. Trata-se de uma narrativa juvenil por excelência, mas pode ser apreciada por diversos públicos.

Além da qualidade técnica e artística, a HQ ainda se destaca por outros motivos. Primeiro, a maneira como o autor conseguiu viabilizá-la. Quem quiser, pode doar qualquer quantia via paypal e ganha o nome nos agradecimentos.

Há também um batalhão de fãs em uma força-tarefa para divulgar e traduzir a história em diversos idiomas (há até uma versão em português do Brasil), com o intuito de ajudar o autor para que ele consiga manter a trama em andamento.

Tudo isso vem surtindo efeito. O número de "likes" que Wormworld Saga tem no Facebook é imenso e Lieske promete para breve o segundo capítulo.

Se você ainda não leu, basta clicar aqui.

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Scott Pilgrim, a Animação

Scott Pilgrim é um marco na cultura nerd e merecer ser lido e visto. Aqui vai uma animação:





Não esqueça também de ler uma resenha detalhada no Pai Nerd 

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Hero Up

Que tal um jogo online da Marvel para jogar no sue navegador, totalmente grátis? É exatamente essa a proposta de Hero Up. Clique aqui e confira.