sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Nerd Comenta (15)

Uma semana esportiva nos comentários!

1. Zina
O torcedor número 1 do Ronaldo foi pego pela polícia com cocaína. Quando perguntado sobre o assunto, Maradona disse: "Zina, brilha muito no xilindró!"

Mais doido do que o habitual!
2. Dita von Tesse
A dançarina fez show em São Paulo. Mas com esse nome, ela devia ser bordadeira ou coisa parecida.

3. Halloween
Com essa data em mente, pensei em uma campanha bem legal:


Saci Pererê para mascote
das Para-Olimpíadas de 2016!

4. UFC
Ultimate Fighting Championship, o lugar em que realmente Onde os Fracos não Têm Vez! XD

5. Windows 7
Novo sistema operacional da Microsoft lançado rapidinho depois do fiasco da última versão. É a prova de que Bill Gates não fez VISTA grossa para os bugs! #Trocadilho!

6. Flamengo
O maior ídolo da maior torcida brasileira é iugoslavo! Tem piada mais pronta do que essa?

7. Michael Jackson
Documentário, música nova, CD, promessa de reality show com os filhos... pelo jeito morrer é altamente lucrativo.

MJ em Embalos de Sábado à Noite

8. Botafogo
A busca dos internautas deve ter sido sobre o time paulista que contratou Vieri. Com o reforço de 36 anos, o time de Ribeirão Preto ameaça o Santo André no quesito maior média de idade. Se continuar assim, daqui alguns anos o Corega vai patrocinar algum time! (fikdik)

9. Rogério Ceni
Em sua longa carreira, o goleiro já fez gol, foi campeão mundial, jogou na Copa do Mundo... Agora só falta ele fazer troca de sexo pra ser campeão pelo time feminino. Marta que se cuide!

10. Lei Seca
Antes da lei anti-bebum, achei que esse era o critério de seleção de modelos...

De frente, parece de lado
De lado, parece que já foi

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Kiss e Globetrotters


O país vem recebendo uma enxurrada de espetáculos internacionais nos últimos tempos. Neste ano, fui apenas em dois até agora (Kiss e Harlem Globetrotters) e pretendo ir apenas a mais um (Twisted Sisters, prometo resenha).

Kiss era imperdível apesar de a turnê ser obviamente caça-níquel (e qual não é? O Kiss só não tem vergonha de admitir) e o Globetrotters parecia um programa divertido a um preço bem mais acessível. Apesar do crescente aumento no preços dos ingressos e a organização cada vez mais desrespeitosa com os fãs, ainda sou uma pessoa que vai a shows, mas seleciono muito bem. Portanto, se você for ao AC/DC, Gogol Bordello e outros, mande sua resenha para a gente (homemnerd@gmail.com)! Estaremos curiosos para saber como foi!

Para conferir as resenhas de Kiss e Globetrotters é só clicar nos links.

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Nerd Comenta (14)

Depois do me desabafo de semana passada, o pessoal mostrou participação. Como diria Fábio Jr.: “Brigadu!”. Vamos aos comentários:

1. Boletim Escolar
Todo mundo correndo pra saber as notas do 3º bimestre! Tem gente que tá com o boletim mais vermelho do que filme do Zé do Caixão, aí já começa o aquecimento para a recuperação!

Estuda, minino!

2. Horário de Verão
Esse negócio de adiantar uma hora no relógio atrapalha todo mundo. Aí na segunda-feira seguinte da mudança vocês “verão” como é difícil acordar! #Trocadilho!

3. Greve na Caixa
Depois de tanto tempo de greve, a sigla da Caixa Econômica Federal terá de mudar para: Como Estamos Ferrados, ou Como Estamos Falidos,... Faça a sua sigla também, leitor!

4. Fórmula 1
Jenson Button levou o título, comprovando como o ano anda bom para a família dele. Em fevereiro, o tio-avô dele, Benjamin, levou uns Oscars pra casa!

Esse é pra você, tio!

5. Revolução Industrial
Taí uma coisa que eu achei só entraria no Nerd Comenta se ele fosse feito no século XVIII!

6. Meghan McCain
A filha do senador John MacCain (aquele que levou uma piaba do Obama nas últimas eleições dos EUA) postou esta foto na internet e causou polêmica:


Na verdade, a comoção no mundo virtual foi a de preocupação que a mulher não conseguisse respirar com um decote tão apertado!

7. My girl
Nome daquela música fofinha dos Temptations... Não sei bem por que ela está na lista. Mas a canção também deu nome para o filme que no Brasil foi traduzido como Meu Primeiro Amor. Um clássico erro que ficou escancarado quando lançaram uma sequência que teve o título Meu Primeiro Amor – Parte 2!!! Pior do que isso é O Massacre da Serra Elétrica. Lembrem-se: a serra era movida a diesel! Imaginem o assassino perseguindo suas presas com uma serra elétrica e as pilhas acabarem, ou ele ter de levar centenas de metros de extensão!!!

8. Lata Velha
O Luciano Huck tá participando de muito comerciais e já cogitam trocar o apresentador desse quadro. O que acham do candidato abaixo?

If I only had a Porshe...

9. Fantástico
Podem me chamar de saudosista, mas no meu tempo a Garota do Fantástico eram umas mulheres cheias de curvas em trajes de banho. Acho um desrespeito sem tamanho darem o mesmo nome para um concurso cheio de patricinhas magrelas! E tenho dito!

10. Kristen Stewart
Ela é realmente a escolha ideal para estrelar a Saga Crepúsculo! Só mesmo uma atriz chupada para atrair vampiros.

La Jetée – Filme que inspirou Os Doze Macacos

Um dos filmes de ficção científica sobre viagem no tempo que marcou época e se tornou um cult para os fãs do gênero é Os Doze Macacos.São inegáveis suas qualidades em especial as atuações de Brad Pitt e Bruce Willis e principalmente, a trama.

A trama remete ao filme em qual ele foi baseado: um curta francês de 1962. Curioso, como todo fã nerd, fui atrás e encontrei uma boa versão na internet.

Com roteiro e direção de Cris Marker, La Jetée é feito usando-se uma técnica bem simples, onde se dá movimento a imagens estáticas em preto e branco, sublinhadas por excelente música, com um narrador em off, lembrando um documentário feito com slides (hoje seria no PowerPoint).

O título do filme é uma palavra francesa que significa píer, uma construção que avança para o mar e serve de embarcadouro. Por similaridade é empregada para a região do aeroporto onde se observa a partida dos aviões, mas também significa “pilar” ou “pontilhão”.

Veja o filme e comente.


La Jetée (1962)

Ficha técnica

Direcão e roteiro: Chris Marker
Narrador: Jean Négroni
Elenco: Hélène Chatelain, Davos Hanich, Jacques Ledoux
Ano: 1962
Tempo de projeção: 27 min

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Nerd Comenta (13)

Mesmo sem nunguém comentar meus comentários, vamos em frente. :( Minha teimosia é maior que meu rancor.

1. Naruto Project
Que eu saiba, a roupa de um ninja deveria ajudá-lo a se camuflar no ambiente. Será que o Naruto é dautônico, ou está infiltrado na torcida da Holanda?

O irmão perdido de Lisa Simpson
2. Cartola FC
O sucesso desse bolão virtual é a prova de que existem nerds boleiros! Não é mesmo, Guilherme?

3. Infraero
O pessoal do controle de tráfego aéreo por vezes mostra tanta competência quanto o pessoal do controle de tráfego de drogas. :S

4. Greve da Caixa
Com eu odeio brincadeirinhas bocós, eu queria uma greve nessa caixa:


Surpresa!!! ... Punch!


5. Palmeiras
O líder Palmeiras e os outros times com chance de ganhar o Campeonato Brasileiro não deslancham na reta final. Alguém precisa avisar eles que o campeão é quem somar mais pontos, não quem mais se aproximar dos 60 pontos sem estourar! Urgente!

6. Michael Jackson
O morto muito doido lançou mais uma música. Aí o verdadeiro autor reclamou para receber seus direitos. Nem depois de finado, ele para de criar polêmica. Que vício!!! :P

7. Obama
A Thalia dançou com o Obama e a esposa dele ficou enciumada. Essa aí não cansa de fazer cena de novela mexicana.

8. BoyZone
Traduzindo: "Zona dos Meninos". Por que eles nunca gravaram um cover de Puteiro em João Pessoa?

9. Laura Pausini
Toda vez que o Faustão relembra as atrações internacionais que já passaram no programa dele, tá lá a Laura Pausini. Cara, ela é tão internacional quanto a Elke Maravilha!



Capa do novo CD dela

10. Hinata Sou
Mais um anime que está bombando na net. Não vou fazer piada, não. Fazer piada com otaku é prejudicial à saúde! #fikdik

Nosso homem (nerd) na Rolling Stone 2

Como todos já sabem, o nosso editor de cinema Edu Fernandes colabora com a revista Rolling Stone. Na edição 37 da revista, ele foi convidado para fazer parte do juri que escolheria as 100 maiores músicas brasileiras de todos os tempos. Cada um mandaria 20 canções e seria feita uma média para eleger as tais 100.

As escolhas do Edu seguem abaixo (entre parênteses as posições as quais elas ficaram na lista da RS):
Disparada – Jair Rodrigues (51)
Balada do Louco – Mutantes (55)
Cálice – Chico Buarque e Milton Nascimento (78)
Canteiros – Fagner
Sangue Latino – Secos e Molhados (40)
Eu Sei Que Vou Te Amar – Tom Jobim & Vinicius de Moraes (24)
Sentimental – Los Hermanos
Detalhes – Roberto Carlos (8)
Há Dois Passos do Paraíso – Blitz
O Bêbado e a Equilibrista – Elis Regina (36)
Trem das Onze – Demônios da Garoa (11)
A Lua e Eu – Cassiano (56)
Gita – Raul Seixas (72)
Codinome Beija-Flor – Cazuza
Queixa – Caetano Veloso
Os Alquimistas Estão Chegando – Jorge Ben (49)
Carinhoso – Pixinguinha/Orlando Silva (3)
Asa Branca – Luiz Gonzaga (4)
Para Não Dizer Que Não Falei das Flores (Caminhando e Cantando) – Geraldo Vandré (28)
Andança – Beth Carvalho

As 10 mais da revista foram (em negritos, as escolhas do Edu):
1. Chico Buarque - Construção
2. Tom Jobim e Elis Regina - Águas de Março
3. Pixinguinha - Carinhoso
4. Luiz Gonzaga - Asa Branca
5. Jorgen Ben - Mas que Nada
6. João Gilberto - Chega de Saudade
7. Os Mutantes - Panis et Circencis
8. Roberto Carlos - Detalhes
9. Baden Powell e Vinicius de Moraes - Canto de Ossanha
10. Caetano Veloso - Alegria, Alegria

Legal ver a opinião dos críticos, que elegeram a rima em proparoxítona do Chico Buarque para o primeiro lugar (que surpresa...), mas preferi muito mais a seleção do Edu. Se bem que se eu fosse mandar as 100 maiores músicas, pra mim seriam compostas por coisas do Angra, Sepultura, Shaman, Matanza etc. No máximo um Raul Seixas ou Milton Nascimento. E as suas, quais seriam?

sábado, 10 de outubro de 2009

Nerd Comenta (12)

Depois de uma dúzia de edições, seguimos comentando:

1. Rio 2016
Com a fama que o Rio de Janeiro tem de bala perdida, as provas de tiro perigam ser canceladas para os Jogos Olímpicos de 2016.

Técnico da equipe brasileira motiva seus atletas.

2. Imposto de Renda
Ficar feliz com restituição de Imposto de Renda é igual ficar feliz porque foi assaltado e o ladrão derrubou o dinheiro na fuga.

3. Pânico na TV
Vocês lembram quando o Domingo Legal ficou em primeiro lugar pela primeira vez? Agora a Globo perde a liderança para o programa de variedades (e põe variedade nisso) do SBT e para o humorístico da RedeTV! O verdadeiro pânico é na TV do seu Marinho.

4. Juliana Alves
Capa da Playboy de outubro, ela interpretava uma mulher que tinha preconceito com os deficientes mentais de Caminho das Índias (os personagens, que fique bem claro). O mundo dá voltas mesmo, porque agora quem tá ficando louco são os “leitores” da revista!

5. Sindicato dos Bancários
A greve ainda não acabou... Assim eu sinto que o mês não começou de verdade! Para mim tão sagrado quanto a macarronada de domingo da minha mãe é a fila no banco no horário de almoço do quinto dia útil! Quero o meu mês agora mesmo!!!

6. Enem
As provas foram roubadas! Para evitar que isso aconteça de novo, foi contratado um cara acostumado a cuidar de provas:
Chefão da equipe CSI: Miami, ele é uma mistura de
Chuck Norris com Capitão Nascimento.

7. Ivete Sangalo
(leia com sotaque baiano) Ivete deu a luz a Marcelo. Pense numa mulher feliz! Ela gostou tanto da minha piada de semana passada que resolveu me homenagear. Um cheiro, minha linda! :-*

8. Ciro Gomes
A campanha de 2010 de Ciro, seja lá pra que cargo, será baseada na promessa de um Pillar sólido para a sociedade.

9. Dilma Rousseff
O primeiro projeto de Dilma, se for eleita para a presidência, é a implantação do programa Ruga Zero.
Renda Família com aplicação de Botox

10. Kate Beckinsale
A atriz de Terror na Antártida foi eleita a mulher mais sexy do mundo. Quem sabe um pouco de inglês sabe que o sobrenome dela é bem sugestivo. #reflitam

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Esquadrão Ford

Um grupo de amigos resolve fundar um fã clube de Ficção científica, o Esquadrão FORD.

Anderson Siqueira, um dos "sócios", resolveu criar uma série de HQs, inspirado em algumas figurinhas carimbadas do clube. Infelizmente o Esquadrão Ford encerrou suas atividades, mas quatro anos depois, estas histórias deram origem a um desenho animado de 1 hora de duração, que está sendo dispinibilizado aos poucos no youtube e no blog do autor.

Veja o trailer:

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Primeiras impressões de Orgulho e Preconceito

Tá, o nome do post é mentira. Não são as primeiras impressões de fato, já que, como revelei num outro post, já li e reli Orgulho e Preconceito umas boas três vezes. O título é mais uma piadinha (sem graça =P) – originalmente, o livro mais famoso de Austen se chamava First Impressions.

Neste post eu quero mais é comentar as três adaptações audiovisuais da obra que tive a oportunidade de assistir. São elas:
- série britânica para televisão em 5 episódios de 1980
- série britânica para televisão em 6 episódios de 1995
- filme franco-britânico para cinema de 2005

Na ordem:


Então vamos às minhas considerações (e eu quero saber as suas também, então bora comentar!).

Na série de 1980, temos uma Elizabeth Bennet muito irônica e nada agressiva pela atriz Elizabeth Garvie. De início essa leitura da personagem foi chocante para mim, pois havia me acostumado com a agressividade dela presente no filme de 2005. Mas logo compreendi que, como outros personagens (sendo o Mr. Collins o campeão), há várias formas de se interpretar os diálogos de Austen.

Uma característica engraçada dessa série é o posicionamento de câmera superconvencional, que faz lembrar novelas hispano-latinas. Algumas atuações também colaboram para isso, especialmente a de David Rintoul (Darcy), repleta de viradas de cabeça repentinas e olhares intensos.

Já na série de 1995, vemos um Darcy interpretado por Colin Firth com mais detalhes que o comum (mesmo porque a própria série nos apresenta cenas além das apontadas por Austen), o que o torna o melhor Darcy das três adaptações, apesar de pecar em momentos-chave.

Considerando que o próprio personagem não é tão profundo nem tão complexo quanto gostaríamos de acreditar, é quase natural que a maioria dos atores sejam bem-sucedidos em sua interpretação. [Antes que alguém reclame, eu amo o Darcy, ok?] A interpretação de Matthew Macfadyen, no filme de 2005, é, na minha opinião, a mais tocante das três, apesar de não ser a melhor.

Das Elizabeths, a que menos me convenceu foi Jennifer Ehle (1995). Ela não é nem agressiva e divertida como a Lizzie de Keira Knightley (2005), nem doce e irônica como a Lizzie de Elizabeth Garvie (1980). Especialmente nos diálogos em que essas características definem a personagem, Ehle não parece se entregar completamente – a recusa do pedido de casamento, as conversas quando em Pemberley e a discussão com Lady Catherine.

O problema, na minha opinião, imperdoável da série de 1995 é o seguinte: nesses momentos-chave, os diálogos não foram fiéis à obra de Austen. Longe de mim ser purista em relação a adaptações (pois não sou!). Mas no caso a troca não favoreceu, já que os diálogos novos nem de longe têm a força dos originais. E mais uma coisa que também não gostei: nesses mesmos diálogos, justo neles, faltou atuação e tudo ficou morno.

A parte boa dessa mesma série, que simplesmente adorei, foi a inclusão de cenas que eram apenas narradas em outras adaptações, por serem trechos de cartas. A infância de Darcy e Wickham, a descoberta pelo cavalheiro do casal fugitivo... As cenas ajudam a compor o personagem Darcy, a entregar mais de seus sentimentos ao espectador, a humanizá-lo mais.

Sobre a Jane, acho curioso o conceito de beleza de quem fez o casting: aparentemente, basta ser loira para ser bonita. É o caso das Janes de 1995 e 2005. Vale observar que a de 1995, por Susannah Harker, é horrorosa, nem de longe bonita, e a doçura de ingenuidade da personagem também não foram bem transpostas à tela. Já a de 2005, por Rosamund Pike, consegue reunir essas características. A campeã, no entanto, é a de 1980, Sabina Franklyin, cuja doçura realmente lhe dá beleza.

As outras personagens são desenvolvidas sem muitos problemas. Lydia é a jovem-problema (perfeita nas três versões), Mary é a CDF clichê (o filme de 2005 suaviza a personagem em relação às séries, que a colocam como uma garota feia e chata; achei isso bem legal) e Kitty é irrelevante; Mrs. Bennet e a mãe desesperada e sem noção e Mr. Bennet é o pai desinteressado. Família típica. ;)

A Charlotte Lucas da série de 1980, tenho que confessar, é a minha preferida. Ela é delicada e divertida, sem forçar a barra no racionalismo antirromântico dela. No entanto, o Mr. Collins dessa série é tão tão ridículo (bonachão, total vergonha alheia) que minha preferência muda para o filme, em que o casal combina.

Mas, pra mim, a qualidade da adaptação se define no segundo pedido de casamento de Darcy, em que há a entrega total dele e, finalmente, a submissão (não nos sentidos negativo ou sexual da palavra) dela.

Qual é o resultado do "embate" final?

Pra mim, a série de 1995 é derrotada sem esforço, e a dúvida fica entre a série de 1980 e o filme de 2005. Eu voto pelo filme... Nada como um amanhecer com um Darcy daqueles. ;)

E você? Vota em qual?

domingo, 4 de outubro de 2009

True Blood 212: Beyond Here Lies Nothin’



Ainda bem que a história toda da Maryann acabou. A cena em que Sam dá um fim nessa maluca é muito bacana. Além de ser esteticamente bonita, a transformação de Sam no momento em que ele arranca o coração negro de Maryann é o ápice de toda a temporada.

Confesso que fiquei meio frustrada com o episódio, mas foi porque ele tratou de resolver a última das três histórias centrais da temporada. A primeira, a minha preferida, é Sookie em Dallas e o surgimento de outros vampiros como Lorena e Godric – a oportunidade perfeita para sabermos mais do passado de Bill e Eric, por exemplo.

A segunda história foi a de Jason na Irmandade do Sol. Meio chatinha, mas com alguns momentos engraçados, todos protagonizados pela despirocada Sarah Newlin. A terceira, a história da Maryann, nunca foi a minha preferida. Mil vezes Sookie em Dallas do que um bando de gente enlouquecida comendo torta de coração.

Momento Vergonha Alheia: Tara chorando sobre o cadáver de Eggs. Definitivamente Rutina Wesley fez o melhor que pode na primeira temporada, porque nesta segunda ela trabalhou pessimamente, uma interpretação ruim de doer.

O resto do episódio mostrou a cidade voltando à sua vidinha ordinária e preparou o terreno para o que devemos esperar da próxima temporada, deixando algumas questões em aberto: Jessica e Hoyt realmente terminaram? Por que Sam resolveu procurar sua mãe verdadeira e que importância ela terá na vida dele daqui em diante? Sookie é humana ou não afinal? E o que aconteceu com Bill?

Resta esperar a terceira temporada para, esperamos, saber a resposta a todas essas perguntas.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Nerd Comenta (11)

A gente vai começar com muitas siglas! Vamos aos comentários:

1. R7
Esse é o site de notícias da rede Record. Taí mais um meio de receber notícias sobre os podres do clã Marinho.
Notícias que até o pastor duvida!

2. BID da CBF
Para quem não entende, Boletim Informativo Diário da Confederação Brasileira de Futebol. Esse barato diz quem pode e não pode jogar, ser transferido de time e todas essas coisas. É igual casamento: todo mundo pode ir na cerimônia, mas só quem tem o papelzinho do buffet pode ir na festa comer bolinha de queijo.

3. Enem
A prova do Enem vazou e teve que ser adiada. Esse mundo moderno é muito complicado! Onde foi parar aquele costume de passar cola com linguagem de sinais?

4. Greve dos bancos
Agora com as agências paradas, eu vou ter de arrumar outro local para pagar minhas contas, fazer depósitos e saques só pelo caixa eletrônico... Pera aí! Eu sempre tenho que fazer isso!

A gente que não percebeu, mas há anos
que rola uma operação tartaruga!

5. Dado Dolabella
O kickboxer do amor se casou! Vamos a dados estatísticos confiáveis (comunidades do orkut):
Mulher Gosta é de Cafajeste (800 membros)
você ama aquele cafajeste (1.149)
Odeio Homem Cafajeste (482)
eu odeio homem cafajeste (262)
#reflitam

6. Rubens Barrichelo
Ele está a 15 pontos de ser campeão. Se considerassem os pontos que o Massa levou por causa da mola, era Rubinho na cabeça!

7. Vildomar Batista
O diretor da Record atravessou uma passarela a dezenas de metros de altura porque uma instituição de caridade conseguiu arrecadar R$ 3 milhões. Gisele Bünchen sabe muito bem que passarela só vale a pena por altas somas de dinheiro!

8. No Limite
Acabou o reality show mais xoxo da atualidade. Pra mim o jogo já tinha terminado quando a Bia foi eliminada...
Por ela, eu encaro até o olho de cabra! <3

9. Roman Polanski
O cara é perseguido até hoje por um suposto caso de pedofilia ocorrido décadas atrás. Se o Polanski (o cineasta) falar que estava sob a influência de Polanski (a vodka), vale como argumento de defesa?

10. Ivete Sangalo
Essa é a cantora que fez a Dança da Faxina: "Levantou poeira!"