quarta-feira, 31 de outubro de 2007

Heroes em primeiro

Pois é, deu na Folha nesse domingão: Heroes é a maior audiência da Record, com 12 pontos. É o universo nerd se tornando pop.

Será que a Globo vai contra-atacar com a 3ª temporada de Lost, que tem o Santoro?

segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Site sobre o Frat Pack

Pra quem curte o Frat-Pack ou tá curioso pra saber do que se trata:
http://www.the-frat-pack.com/
Destaque para o Circle of Trust onde eles conseguem selecionar os melhores atores e atrizes da atualidade. Falta o Michael Cera e o Christopher Mintz-Plasse mas eles chegam lá!

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Sugestão de leitura: Marcos Rey

Foi difícil segurar, mas espero ter conseguido conter um pouco meu fanatismo pelo Marcos Rey.

Mais engraçado é que eu sempre fui fã dele. Quando era pequena, comprei tanta obra juvenil dele. A preferida, como não podia deixar de ser, era O Mistério do Cinco Estrelas. Só fui saber de que escrevia obras adultas no colegial e, mesmo assim, nunca tinha chegado a ler.

Por ironia do destino, há pouco tempo me emprestaram o livro Malditos Paulistas, que publiquei a resenha hoje.

Há tempos que não lia algo tão engraçado e tão tão tão bem escrito. Meu fanatismo com o Marcos Rey voltou ao nível do que tinha quando criança.

Super-recomendo!

domingo, 21 de outubro de 2007

Superbad

Superbad está com uma cotação de 87% de tomates maduros no RottenTomatoes.com
Quem são os 13% podres? Além de uma minoria que escreve pra coisas do tipo FinancialTimes (Como assim, o FinancialTimes ter crítica de cinema? Só se for pras pessoas investirem em filmes, neste caso, desaconselho a leitura deste jornal para estes fins porque Superbad teve uma bilheteria incrível, um ótimo investimento!)
Mas enfim, outro crítico era uma mulher que inspirou, certamente, a personagem My Aunt Linda, a crítica cultural do jornal do Saturday Night Live: What? Ghaaa! Oh brother! Então, ok.
E, o último que eu li foi de um cara que a única coisa que ele percebeu nos filmes de Judd Apatow é que ele provavelmente tem um amor secreto por Seth Rogen e vice-versa.
Certo. Engraçado é lembrar que quando Ben Stiller e Will Ferrel eram a bola da vez da comédia alguns "críticos" analisavam os filmes por esse aspecto.
É uma certa obsessão com a sexualidade alheia o que apenas demonstra uma obsessão com a própria ou é inveja:

Mulher de décadas do Ben Stiller: http://www.bartcop.com/christine-taylor-ben.jpg
Mulher de décadas do Judd Apatow: http://www.the-frat-pack.com/images/news/onetime/ku-premiere/judd-leslie.jpg
Namorada do Seth Rogen: http://z.about.com/d/movies/1/0/M/1/N/dupreeprem22.jpg
A do Will Ferrel não é tão bonita mas eles são casados há anos também.

E se for o caso de eles realmente se amarem mais do que Evan e Seth se amam em Superbad, eu só digo uma coisa, quem dera se meu namorado escrevesse, produzisse, dirigisse, atuasse em um Superbad ou Zoolander! Que orgulhinho!
Em qualquer caso, que inveja mesmo né crítico?
PS: E Jonah Hill e Michael Cera que se preparem para críticas construtivas do tipo caso eles continuem trabalhando juntos.

terça-feira, 16 de outubro de 2007

Cobertura da Mostra

Nossos planos megalomaníacos de cobrir vários filmes da 31a. Mostra de Cinema de São Paulo acabaram de ser cancelados... :(
No início do mês a equipe HN solicitou que a organização do festival disponibilizasse ingressos para que nós e nossos colaboradores pudéssemos assistir aos filmes e escrever textos sobre os mesmos. A resposta veio hoje:

"Olá,

Devido ao número excessivo de pedidos de credenciais para a 31ª Mostra, a Organização não pôde aprovar a sua solicitação.

Qualquer dúvida entre em contato. "

Não dá para ter dúvidas, né?
O fato é que o Homem Nerd é o site independente (ou "involuntariamente filantrópico") com a mais completa cobertura do circuito de cinema do Brasil – quem achar outro site como o nosso que tenha críticas de tantos filmes em cartaz, manda um alô. Infelizmente tal fato foi totalmente e sumariamente ignorado pela Mostra de Cinema. Sabemos do nosso tamanho e nossa expectativa era de contar com 20 ingressos, na mais otimista previsão.
Apesar de mais um empecilho para o melhor desempenho de nossa função, iremos postar críticas dos filmes que já foram assistidos por nossa equipe e contamos com a compreensão dos nossos leitores.

Filme Nerd: Astropia

Recentemente tomei conhecimento de um filme extremamente nerd e que parece ser muito legal. Trata-se do islandês (isso mesmo, da Islândia!!!) Astropia. A trama mostra uma gostosa cujo namorado riquinho vai pra prisão e ela passa a precisar trabalhar para ganhar a vida.O lance é que o único lugar que ela consegue é numa Loja de RPG/Comic Shop. Lá os nerds a ensinam a jogar RPG daí o filme vira uma viagem, se passando na mente dos jogadores em seu mundo de aventuras. Nos EUA ele deve se chamar Dorks & Damsels (D&D, hehehe).

Confiram o trailer:

segunda-feira, 15 de outubro de 2007

McLoviiiiiiiiiiiiiiiiin


Ontem tive o grande prazer de ver (de novo!) Superbad - É hoje , pra mim o melhor filme do ano. Simplesmente pq das duas vezes q eu vi eu não parei de rir nenhum minuto. Minha resenha deve estar no ar até 4ª feira, no máximo. Mas já adianto, é imperdível. Destaque para o Homem Nerd McLovin, que rouba a cena!


terça-feira, 9 de outubro de 2007

Acabamos de ver Stardust

Isso mesmo, acabamos de voltar da cabine de imprensa e o filme é muito legal. Os mais puristas do livro original vão ficar revoltados com algumas mudanças bem fortes, como a da orientação sexual do Cap. Shakespeare. Fora isso, a obra foi bem adaptada (reparem, o termo adaptação é diferente de transcrição) e funciona bem no cinema.

quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Gosto de nerd não se discute

Não conheço o trabalho desse crítico mas acho que esse texto reflete bem o espírito dos nerds em geral:

Respeito, mas não agüento
Texto de Dagomir Marquezi (Revista Época)

Algumas horas separaram a morte recente de dois ícones do chamado "cinema de arte": Miche­langelo Antonioni e Ingmar Bergman. Tenho respeito pelos dois como artistas que tentam caminhos ori­ginais. Mas confesso: mal conheço suas obras. Não tenho essa obrigação. Eles já são quase unanimidade entre intelectuais ligados ao cinema. Estão em qualquer lista de "melhores cineastas do mundo". Não precisam de mim. E eu também não preciso deles. De Antonioni eu me lembro da bela protagonis­ta de Zabriskie Point. Berg­man eu bem que tentei. Ele me fez bater um recorde. Sessão da meia-noite de O Sétimo Selo. Rola o letreiro. Música sutil... O hipnótico chiado do projetor ... Os no­mes em alfabeto sueco so­mem lentamente pela tela ... Jansen Gustavsansson .... e eu dormi nos créditos de abertura. Não é porque Antonioni e Bergman fa­leceram que eu vou negar. Para meu apetite de ci­néfilo eles jamais fizeram falta. A lembrança que tenho deles (e de Bufíuel, Resnais e Visconti) é uma seqüência de bocejos e cochilos. Gosto não se discute. Eu vi a primeira metade de Ace Ventura: Pet Detective umas 20 vezes. Esse sim, é um clássico! Não coleciono as obras do neo-realismo italiano. Coleciono DVDs de James Bond. E daí? Proponho um acordo. Ninguém me obriga a assistir aos filmes de Visconti. E eu não cobro ninguém por não ter assistido a Um Lobisomem Americano em Londres.
Meu paladar cinematográfico vai além dos filmes de Jackie Chan. Mas cada um tem o direito de gostar do que quiser. Não existe um gosto "oficial" no cmema ou em qualquer atividade artística. Não é porque o crítico junta as palavras "Almodóvar" e "genial" na mesma frase que você vai ter de concordar.
A maioria das pessoas nunca dedicou um minuto a nenhum desses gênios do cinema europeu.
Mas talvez tenha acompa­nhado a série de Chucky, o boneco assassino. Eu assisti aos quatro! E não me envergonho disso. Vi tam­bém todos os Hitchcocks que pude. Ele é respeitado por intelectuais, mas seus filmes não são testes de paciência movidos a tédio existencial.

terça-feira, 2 de outubro de 2007

Tropa de Elite

O filme, que já é comercializado em camelôs por aí, está dando o que falar. Prova disso é que estreará com 250 cópias e deve ser adaptado em quadrinhos. Tal balbúrdia sobre o filme, que deve estrear na próxima quarta, gerou algumas piadinhas na internet. Uma delas é o "action figure" abaixo:


Pixel Magazine 6 e Heroes


Amigos, acabo de ler a 6ª edição da Pixel Magazine, revista mix da pixel que publica Wildstorm, Vertigo e ABC. Pra mim essa foi a melhor edição trazendo a sensacional estréia de DMZ. Aqueles que ainda não compram essa revista, corram já pras bancas e adquira a sua. Em breve uma resenha no site.

Heroes, pretendo assistir o primeiro episódio da segunda temporada hoje e trazer uma resenha pro pessoal. O segundo já saiu e quem conferiu garante que essa temporada começa bem mais empolgante que a primeira.