terça-feira, 28 de agosto de 2007

Caminhos do Coração – Mutantes da Record!


Acabou de estrear a novela que promete revolucionar todas a televisão brasileira: Caminhos do Coração. Apesar do nome infeliz, a série é um plá... digo inspirada no sucesso de Heroes transforma o universo nerd de mutantes e superdores em uma coisa in e popular.

Cortes rápidos, efeitos especiais excelentes, uma trama emocionante e diálogos péssimos! Tudo que poderíamos esperar de uma telenovela! Imperdível.

Confiram a resenha:
http://www.homemnerd.com/resenha.php?id=2279

sexta-feira, 24 de agosto de 2007

Resenhas de livros

Se tudo der certo, no mês de agosto, conseguirei postar as seguintes resenhas:
  • Auto da Compadecida, Ariano Suassuna
  • O mundo de Sofia, Jostein Gaarder
  • Fábulas Fantásticas, Ambrose Bierce
  • O livro dos seres imaginários, Jorge Luis Borges & Margarita Guerrero
Há outros dois livros em mente, mas provavelmente ficarão para o mês de setembro.

sexta-feira, 17 de agosto de 2007

A Arte da Diagramação

Há algum tempo eu tive um blog. Ele era terrívelmente ruim, melancólico e deprimente. Vou deletá-lo, mas tem um único texto dele que eu gosto muito e gostaria de imortalizá-lo aqui: chama-se a "Arte da Diagramação":

A arte da Diagramação
Hj eu li o primeiro conto do livro Sagarana de Guimarães Rosa. Nele há um trecho que um personagem é acossado por um touro. Trata-se de uma passagem emocionante, onde o clímax é quando o touro se aproxima e somos obrigados a virar a página para ler a continuação.

Esse virar de páginas permite que imaginemos em frações de segundos tudo o que pode ocorrer, e quando finalmente chegamos a descrição do ocorrido, lemos com entusiasmo até o fim do episódio.

Não sei se o editor ou o diagramador pensaram nessa ferramenta, mas deu um efeito muito bom. Creio q dificilmente Rosa pensou nessa possibilidade quando escreveu a história. Ele pode até mesmo tê-la escrito num pergaminho enorme, pensando apenas na literatura e nada mais.

O fato é que a diagramação é uma arte também. Uma diagramação mal feita consegue matar um bom texto (por exemplo os livros da Martin Claret compostos em colunas), ao passo que uma bem feita pode maquiar um ruim.

Nas histórias em quadrinhos a diagramação faz parte do ato de fazer quadrinhos, ela trabalha junto com o desenho no ato de contar as histórias.

Além disso, ela varia de suporte para suporte, como Internet, livros, quadrinhos, capas de cds, cartazes, folders, etc. sendo necessário um grande estudo para se fazer bem feito.

Ela é uma arte de suporte, é verdade, mas não deixa de ser importante.

Eu particularmente não gosto de diagramar, mas não dispenso o trabalho de um bom designer num trabalho editorial.

sábado, 11 de agosto de 2007

Supersagas

A Marvel comanda a audiência dos gibis dos EUA. Há um tempo atrás, a Casa das Idéias seguia uma tendência de dar maior liberdade criativa a seus artistas e compartimentar suas séries. A DC, em contra-ataque, trouxe de volta as crises cósmiscas e sagas interligadas, repletas de tie-ins. O píublico gostou e a Marvle foi na onda.

A briga agora chegou ao Brasil, com 52 x Guerra Civil. Eu, particularmente, gostei mais de Guerra Civil, mas sou suspeito por ser marvete desde criancinha.

Tirem a prova real, lendo as resenhas:
52: http://www.homemnerd.com/resenha.php?id=2169

Guerra Civil: http://www.homemnerd.com/resenha.php?id=2057